1. Skip to Main Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Prefeitura realiza atividades para conscientizar sobre violência contra idosos

Escrito por  Vanessa Martins 14 Junho 2017 Publicado em Últimas Notícias
Prefeitura realiza atividades para conscientizar sobre violência contra idosos Fernando Planella

Educação para o Trânsito chamou a atenção para o uso da faixa de segurança. Encontro Municipal discutiu as diferentes formas de violência contra pessoas da terceira idade.


Na véspera do Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, 15 de junho, a Prefeitura realizou atividades para marcar a data. Uma delas foi uma ação da Equipe de Educação para o Trânsito, da Secretaria Municipal de Segurança e Mobilidade, que levou a "idosa Florisbela" para a Avenida Flores da Cunha. Numa esquete teatral, a servidora Cristiane Boeira, interpretou uma senhora que insistia em atravessar fora da faixa de segurança e que era orientada pelos Agentes de Trânsito a fazer a travessia correta. Segundo a coordenadora da Equipe, Rose Dotte, a ideia é trazer a Florisbela pelo menos uma vez por mês para a rua. "Além disso, numa parceria com o projeto Vida Saudável, da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, vamos levar palestras e atividades lúdicas aos idosos participantes das oficinas, que são voltadas para adultos e idosos. Com isso, devemos conscientizar cerca de 1.200 pessoas", revelou. O secretário de Segurança e Mobilidade, Marco Aguirre Gouvêa, diz que a ação de hoje foi motivada pelo número de atropelamentos na cidade: "foram quatro acidentes em duas semanas, metade
deles com idosos que atravessaram fora da faixa de segurança", destacou ele.

Encontro Municipal - Ainda nesta quarta-feira, a Secretaria Municipal de Saúde promoveu o 6º Encontro Municipal de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos dos Idosos (COMDI). A atividade, realizada na Câmara de Vereadores de Cachoeirinha, teve como objetivo mostrar as diversas formas de violência pelas quais passam as pessoas nesta faixa etária e as violações de seus direitos. Conforme a presidente do Conselho, Gelci Machado Rodrigues, há um número grande de denúncias sobre violência contra os idosos na cidade, "e violência não é apenas um tapa, um empurrão. As agressões verbais doem tanto quanto a violência física. Por isso, denuncie!", apelou ela. O secretário municipal de Saúde, Paulo Abrão, lembrou sobre o atendimento especializado que é oferecido no Centro de Saúde do Idoso. "lá existe uma equipe multidisciplinar, com geriatra e assistente social, que fazem um acolhimento especial para este público". O presidente da Câmara Municipal, vereador Marco Barbosa, destacou ainda que em breve o município contará com a Delegacia para Vulneráveis, "que atenderá de forma específica, além de mulheres, adolescentes, crianças, deficientes, população LGBT, os idosos", ressaltou.
O prefeito Miki Breier, que esteve nos dois eventos, destacou a necessidade de se ter uma atenção especial com os idosos, protegendo-os de todas as formas de violência, seja no trânsito, seja de agressões, negligência, omissão, abandono. "Nesta gestão, estamos trabalhando de forma integrada para cuidar cada vez melhor dessas pessoas que tiveram a bênção de chegar a esta idade e com quem podemos aprender muito", concluiu.
Após as falas oficiais, o público assistiu à palestra com o coaching em Desenvolvimento Pessoal, Sandro Gomes, e participou de uma dinâmica com a educadora Aline Loreto.