1. Skip to Main Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

BALANÇO: Na Assistência Social, mais de 61 mil pessoas atendidas ao longo de 2019

Escrito por  Diretoria de Comunicação Social 09 Janeiro 2020 Publicado em Últimas Notícias
BALANÇO: Na Assistência Social, mais de 61 mil pessoas atendidas ao longo de 2019 Fernando Planella

Para 2020, meta é concluir o CRAS Colinas, o abrigo para mulheres vítimas de violência doméstica e a ampliação dos cursos oferecidos nos Centros de Referência de Assistência Social


Ao longo de 2019, mais de 61 mil pessoas foram atendidas pela Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Habitação. Nas oficinas oferecidas pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), por exemplo, aonde são oferecidas as aulas de artesanato e funcionam os grupos de convivência para crianças, adolescentes e idosos, foram totalizados 49 mil atendimentos. Já nos mutirões para atualização do Cadastro Único, foram 587 usuários atendidos, no Restaurante Popular servidas 20.957 refeições e, na Cozinha Comunitária, produzidas e oferecidas mais de 36 mil refeições.
“Também inauguramos o Recanto Solidário, espaço permanente de arrecadação e distribuição de roupas; realizamos a Campanha do Agasalho, que arrecadou em torno de 41 mil peças de roupas e estamos concluindo o novo CRAS Colinas”, acrescenta o prefeito Miki Breier.
O secretário de Assistência Social Cidadania e Habitação Valdir Mattos destaca ainda o grande avanço desta gestão, com mais de 1 mil regularizações fundiárias na cidade. “O processo de regularização vai muito além de regulamentar a moradia. Ele traz mais dignidade a estas famílias que aguardam por essa oportunidade há muitos anos”, aponta.
Para 2020 o secretário projeta a disponibilização do abrigo para mulheres vítimas de violência doméstica, cumprindo com uma antiga demanda da comunidade, e a ampliação dos cursos oferecidos nos Centros de Referência de Assistência Social.
“Arrumar a casa é um trabalho silencioso, que quase ninguém enxerga, mas crucial para o futuro de nossa cidade. Cachoeirinha vive um novo momento”, completa o prefeito de Cachoeirinha, Miki Breier ao destacar as ações empreendidas pela administração para sanear as finanças e oferecer melhores serviços à população.
Habitação e Assistência Social
- 61 mil pessoas atendidas ao longo do ano através dos CRAS, Restaurante Popular, Albergue e em ações como de Habitação, Procon, Campanha do Agasalho e Cadastro Único;
- Regularização fundiária: concessão de mais de 1 mil escrituras;
- Novo CRAS Colinas;
- Novo serviço de acolhimento às mulheres vítimas de violência;
- Acolhimento de refugiados: 80 venezuelanos acolhidos.